Riqueza Natural

sábado, 3 de agosto de 2013

Campo Grande crescimento ano após ano!



Situada na porção central do estado, sendo quase que passagem obrigatória para todos os turístas que vem a região, Campo Grande oferece uma ifra-estrutura de ótima qualidade além de uma rede hoteleira já bem estabelecida e opções de lazer bem divercificadas .
Com 100 anos de idade, a Cidade Morena está em crescimento ano após ano e já abriga cerca de 1 milhão de pessoas que usufruem de uma infra estrutura de lazer já definida com Bares, Boites, Casas de Shows, Centro de Exposições, Shopping, Museus, Pista de Motocross, Cartódramo e muito mais .
Conhecida pelo exuberante verde de suas ruas bem arborizadas, Campo Grande possue belas praças e parques que dão um toque familiar a sua aparência.
Ano após ano, Campo Grande vem se estruturando cada vez mais para receber com qualidade a demanda turística que passa por essa cidade maravilhosa com destino a Bonito e o Pantanal, além da nova demanda que surge em Campo Grande, o turismo de eventos, que vem cerscendo cada vez mais na cidade.

Fundação

José Antônio, habitante da cidade de Monte Alegre - MG, soube de uma região de terras férteis chamada de campos do vacaria (hoje Rio Brilhante) e resolveu formar uma comitiva para vir conhecer essas terras criando novos horizontes. Isso aconteceu no ano de 1872.
E chegavam os carros de bois na confluência de dois córregos que iriam se chamar Prosa e Segredo.
Ele fez o reconhecimento do local e constatou que ali era um lugar ideal para fazer seu rancho e começar sua vida nova. Junto com seu filho começou a derrubar a mata para fazer o plantio de sua roça.
Ele combinou com um fazendeiro da região de Nioaque, Joaquim Mota, as compras de alimento e coisas necessários para a sobrevivência. 
Com seu rancho pronto e sua com o início de sua plantação José Antônio resolveu voltar a Minas Gerais para trazer de lá sua família e seus colegas que quisessem mudar de vida e começar uma nova vida. Ele contratou João Nepomuceno para tomar conta do local até sua volta de Monte Alegre MG.
Prometeu pagá-lo em sua volta e garantiu-lhe sua sobrevivência. Passando três anos João Nepomuceno já não estava acreditando que José Antônio iria voltar e negociou as terras com um viajante chamado Manoel Vieira de Souza, que pagou 30 mil réis. 
Se o antigo dono voltasse, ele deveria vender as terras pelo mesmo valor que comprou. Em 1875 José Antônio voltou com sua família e seus amigos para povoar a região.
Eram 62 pessoas. Junto com Manoel Vieira de Souza formaram um grande arraial, dando-lhe o nome de "Arraial de Santo Antônio de Campo Grande" em homenagem ao Santo a que eram devotos.
Três anos depois José Antônio ergueu uma capela, cumprindo sua promessa ao santo. O arraial ganhava cada vez mais moradores. Em 1889, uma lei estadual criou o Distrito de Paz de Campo Grande, e Bernardo Franco Baís foi o primeiro juiz de paz. 
O delegado era o próprio fundador. No dia 26 de Agosto o arraial foi elevado a categoria de vila, e nessa data é comemorado o aniversário da cidade. Só em 1918 é que Campo Grande foi elevada a categoria de cidade.
No século XX, o desenvolvimento da região como produtora de gado ganha novas forças com a decisão do Exército de localizar no município 
O Quartel General das Forças Armadas de Mato Grosso e com a construção da Estradas de Ferro Noroeste do Brasil, que interliga as duas bacias fluviais do Paraná e do Paraguai, e liga Campo Grande aos países vizinhos Paraguai e Bolívia.
Em 1877
Campo Grande
Igreja Santo Antônio
PRIMEIRA IGREJA
Construída por José Antônio Pereira em 1.876/1.877.
Atualmente, no local, encontra-se a Igreja Matriz de Santo Antônio, na quadra limitada pelas Ruas 15 de Novembro, 7 de Setembro, do Padre e Avenida Calógeras.
É terminada a construção da primeira Igreja com pau-a-pique e telhas de barro. Surgem a Rua Velha, atual 26 de Agosto e vários ranchos.
Em 1879
Chegam à região novos mineiros que, através de marcações de posses, vão construindo fazendas.Surge Santo Antônio de Campo Grande, depois Campo Grande, sempre atraindo novos desbravadores.
Em pouco tempo o vilarejo floresceu, tornando-se ponto de referência da Cia. Mate Laranjeira que dominava a economia do extremo sul da antiga Província de Mato Grosso.
A fama do vilarejo logo se espalhou, pois o clima ameno, o solo fértil e a posição estratégica eram fatos que atraíam muitos migrantes. 
Rapidamente o vilarejo tornou-se de vital importância para o comércio de gado bovino, com comerciantes de todas as regiões dirigindo-se para cá em busca de bons negócios. Mineiros e paulistas tornaram- se os grandes colonizadores desta terra.
Em 1886
Joaquim Silvério Ornelas doou as terras a Santo Antônio - meia légua quadrada, sendo então o Santo o primeiro proprietário de terras da cidade. A doação tornou possível o rápido crescimento do vilarejo.
Em 1899, em 26 de Agosto
Aconteceu a elevação da vila em distrito de Paz de acordo com a lei estadual nº 225, com uma área de 105.000 km²., saindo da comarca de Nioaque. 
A pecuária se desenvolve e para ser comercializada com outras regiões, começam a se abrir estradas, com destaque para a que ligava Campo Grande a Porto XV de Novembro (Rio Paraná), hoje a rodovia BR-163
Em 1902 implanta-se o Município
O primeiro intendente foi Francisco Mestre.
Campo Grande progride principalmente com a chegada da Estrada de Ferro Noroeste do Brasil, em 1914, ligando as duas bacias fluviais: 
Paraná e Paraguai, e dos países vizinhosa Bolívia (através do Porto Esperança) e o Paraguai (através de Ponta Porã), que 
trouxe imigrantes libaneses, árabes, armênios e japoneses, que impulsionaram o comércio e a agricultura locais.Instalam-se os quartéis da nona região militar e constrói-se os Colégios Salesianos.
1909 - Arruamento da cidade foi feito pelo Engº Nilo Javari Barém, tornando Campo Grande uma cidade moderna diferente da maioria das cidades do Brasil.
Suas ruas foram traçadas em direção aos pontos cardeais e ortogonais entre si. Para a elaboração da planta de Campo Grande, que seguiu os interesses da ferrovia , destaca-se a participação de Temístocles Paes de Souza Brasil, engenheiro militar.

←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários com ofensas não serão aceitos.