Riqueza Natural

domingo, 25 de agosto de 2013

Botox a Injeção da Juventude!





Ao longo do tempo as pessoas buscam formas para rejuvenescer, para melhorar sua aparência facial um procedimento relativamente novo no arsenal da medicina. 

A aplicação do Botox (toxina botulínica), é utilizado para remover ou amenizar rugas faciais. 

É utilizado para tratar rugas ou linhas de expressão que são dinâmicas (aparecem quando o músculo se contrai), da região frontal (testa), região glabelar (acima do nariz), região nasal, lateral dos olhos (“pés de galinha”), entre outras.

Considerado seguro e amplamente utilizado nos dias de hoje, o produto age bloqueando a ação dos músculos onde é aplicado, relaxando-os e permitindo que a pele se estique. Como resultado teremos uma pele mais lisa e com melhor aparência.

Antes da aplicação (pelo menos uma semana) é aconselhável que o(a) paciente não se utilize de medicamentos que contenham Aspirina/AAS. O cirurgião plástico e o(a) paciente discutem juntos o que pode ser realisticamente esperado.

Geralmente não são utilizados nem sedação nem anestesia local, mesmo porque a dor associada a este procedimento é pequena. Certo desconforto pode ser sentido quando a agulha, que é extremamente fina, é introduzida ou quando o líquido é injetado, porém dura poucos segundos.

Os pacientes regressam às suas atividades imediatamente após o procedimento. É recomendado que não se deite, principalmente apoiando o rosto, nas próximas 4 horas. O início dos efeitos começa a ser percebido após 3 a 5 dias e pode durar 3 a 6 meses.

Conforme a toxina vai deixando de atuar, as rugas vão reaparecendo, embora geralmente menos profundas que anteriormente. 


Geralmente são necessárias duas a três aplicações anuais para que se mantenha a aparência desejada constantemente. Estudos clínicos sugerem que os pacientes podem necessitar de injeções menos freqüentemente após várias aplicações.

Não há efeitos colaterais importantes associados ao uso do Botox. Eventual sinal de contusão no local da aplicação é temporário. 


Equimose (mancha roxa) local, geralmente devido à punção de algum pequeno vaso sangüíneo durante a aplicação, é raro e mais comum ao redor dos olhos. 

Um efeito colateral mais raro ainda é a queda da sombrancelha ou pálpebra superior, que geralmente resolve por si mesmo num prazo de duas a três semanas.

O melhor candidato para a aplicação do Botox geralmente tem de 30 a 60 anos. Pacientes com mais de 60 anos podem ter rugas mais relacionadas ao dano gerado na pele por exposição solar do que à ação muscular. 


No entanto isto não é uma regra absoluta e cada caso deve ser avaliado individualmente pelo cirurgião plástico.

Algumas rugas faciais não foram causadas pela ação muscular e portanto não estão sujeitas a correção ou melhora com o Botox. Algumas incluem as resultantes de trauma, cicatrizes ou dano solar.

O procedimento tem sua melhor indicação no terço superior da face (testa, lateral dos olhos e região acima do nariz) enquanto no inferior há mais risco de causar distorção da expressão facial.

Este procedimento é eficiente na correção de inúmeras rugas faciais, porém não substitui a cirurgia facial (Ritidoplastia) ou outros eventuais procedimentos que possam ser indicados. Ele é freqüentemente utilizado conjugado com outros procedimentos.
←  Anterior Proxima  → Página inicial

2 comentários:

  1. É uma forma de ter nossa imagem por mais tempo igual ao rosto que estamos acostumados.
    Só que algumas vezes vemos certos casos de exageros que ficam horrendos, tudo com limite fica bem sim.
    Abraços Rita

    ResponderExcluir
  2. Boa noite, Rita faço suas palavras as minhas tudo moderado vai nos trazer a beleza agora em exageros nos deixa horrivel bjs querida.

    ResponderExcluir

Comentários com ofensas não serão aceitos.